Com toque de recolher, prefeitura de Jequié flexibiliza comércio na cidade; templos e salões poderão funcionar

Decreto foi publicado na segunda-feira (3) e é válido até 10 de agosto.

Por Redação Rede Ilha FM com informações do G1 Bahia em 04/08/2020 às 07:40:34
(Foto: Divulgação/Prefeitura de Jequié)

(Foto: Divulgação/Prefeitura de Jequié)

A prefeitura de Jequié, cidade no sudoeste da Bahia, publicou na segunda-feira (30) novo decreto com ações referentes à pandemia do novo coronavírus. A prefeitura renovou o toque de recolher, mas flexibilizou o funcionamento de alguns seguimentos do comércio.

Com o toque de recolher, a população não pode circular pelas ruas da cidade das 18h às 5h.

Apesar disso, fica permitida a reabertura dos estabelecimentos de artigos esportivos; tecidos, armarinhos e afins; centros de formação de condutores; salões de beleza, barbearias e similares; clubes de serviços; igrejas e templos religiosos; e museu.

As missas e cultos poderão ocorrer desde que para menores de 60 anos e pessoas sem comorbidades. Ainda segundo o decreto, nos templos religiosos, deve ser observado o limite de 20% da capacidade do local, com distância mínima de dois metros entre os participantes.

Conforme o último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, na noite de segunda-feira, o município do sudoeste baiano possui 97,4% da ocupação de UTI para tratamento de pacientes da Covi-19. Ainda segundo o boletim, foram registrados 71 novos casos na cidade nas últimas 24 horas.

Jequié registra 3.485 casos de pacientes com Covid-19, 2.015 recuperados e 85 mortes.

Comentários