Armados com paus e pedras, moradores perseguem ''lobisomem'' no povoado Riacho, em Paulo Afonso

Moradores tiraram fotos com um celular o que seriam o lobisomem andando pelas ruas do povoado. Os moradores também filmaram a perseguição ao bicho.

Por Redação Rede Ilha FM em 10/04/2021 às 21:45:57
(Foto: Reprodução/Redes Sociais/*Imagem Ilustrativa)

(Foto: Reprodução/Redes Sociais/*Imagem Ilustrativa)

Moradores do povoado Riacho, na zona rural de Paulo Afonso (BA), dizem de pé junto que viram um lobisomem na noite desta sexta-feira (09/04), em uma área urbana do povoado. À noite, o local é um pouco escuro.

Ainda não se fala de outra coisa no povoado de pouco mais de 02 mil habitantes. Tem muita gente dizendo que viu um bicho bem estranho. Já outros dizem que pode ser uma brincadeira de mal gosto.

"Eu estava saindo à noite, fazendo minha caminhada, como eu sempre faço. Eu estava andando e daí apareceu um vulto, preto, bem alto, e era um bicho assim, todo peludo, bem corcunda", contou uma testemunha.

Paus e pedras

Um dos moradores contou como foi a perseguição ao animal. "Um bicho bem feio. Demorou um pouquinho e o pessoal se reuniu com foice, facão, pedaço de pau, pedras e desceram atrás [do lobisomem]. Estavam todos doidos para pegar o bicho", contou.

"Corria assim, com as quatro patas no chão. Corcunda, como a menina falou", disse outro morador.

Vestígios

Moradores tiraram fotos com um celular o que seriam o lobisomem andando pelas ruas do povoado. Os moradores também filmaram a perseguição ao bicho. Mas não é possível confirmar a autenticidade das imagens.

Animal

Quem entende da fauna da região norte da Bahia garante que o lobisomem, na verdade, pode ser um mamífero da região.

Para Carlos Bordion, formado em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Sergipe (UFS), o animal visto pode ter sido um javali (porco do mato) ou um cão doméstico asselvajado, que não consegue mais se sociabilizar com as pessoas.

Já para o Biólogo Rodrigo Queiroz, o "lobisomem" pode ser um animal de grande porte. "Já foi comprovado que essa imagem é fake. Deve trata-se de algum animal de grande porte, algum bicho muito comum na região. No corre-corre, confusão e pavor. Os moradores podem ter confundido algum mamífero com o tal do lobisomem", disse.

Comunicar erro

Comentários