24h após soltar suspeito de matar idosa em Paulo Afonso, Juiz volta atrás e determina que ele seja preso

Com essa nova decisão, o suspeito é considerado foragido da Justiça e está sendo procurado pela polícia.

Por Redação Rede Ilha FM em 16/04/2021 às 19:12:36
(Foto: Abdênio Paiva/Google Imagens)

(Foto: Abdênio Paiva/Google Imagens)

O Juiz de Direito da 1ª Vara Criminal de Paulo Afonso, Dr. João Celso Peixoto Targino Filho, voltou atrás e determinou, na tarde desta sexta-feira (16/04), a prisão do suspeito de ter atirado na cabeça da idosa identificada como Francisca dos Santos Silva, de 65 anos, no dia 3 de abril, no povoado de Cascavel, em Paulo Afonso (BA). O suspeito foi libertado pelo magistrado na tarde desta última quarta-feira (15/04). Com essa nova decisão, o suspeito é considerado foragido da Justiça e está sendo procurado pela polícia.

Em sua nova decisão, magistrado entendeu que o suspeito coloca em risco a ordem pública e por isso determina a sua prisão. "DIANTE DO EXPOSTO, com supedâneo nos arts. 311 e 312 do CPP, para garantir a ordem pública, conclui-se pela decretação da prisão preventiva, devidamente qualificados, ficando à disposição deste juízo", disse o magistrado em sua decisão.

Na decisão proferida ontem, o Doutor João Celso Peixoto Targino Filho, Juiz de Direito da 1ª Vara Crime de Paulo Afonso, disse que não havia necessidade de manter a prisão do suspeito.

"Entende pela desnecessidade da manutenção de sua prisão temporária", disse o magistrado em sua decisão proferida ontem.

O magistrado também determinou ontem a imposição de medidas cautelares, como apresentar-se ao Juízo e a autoridade policial sempre que solicitado. "Determino as seguintes medidas cautelares diversas da prisão: a) Manutenção do seu endereço atualizado; b) Comparecimento a todos os autos do processo, bem como perante a autoridade policial, sempre que for convocado; c) também comparecer aos atos do processo, caso seja denunciado futuramente pelo Ministério Público", disse.

Com a negativa do pedido de prorrogação da prisão do suspeito ontem, o juiz determina a soltura dele.

"Determino a expedição do alvará de soltura em relação ao investigado", pontuou João Celso Peixoto Targino Filho, Juiz de Direito da 1ª Vara Crime de Paulo Afonso.

O crime

O crime ocorreu no dia 3 de abril, no povoado de Cascavel, área rural de Paulo Afonso (BA) e teve como vítima a idosa Francisca dos Santos Silva, de 65 anos. Ela foi atingida com um tiro na cabeça, morrendo três dias após o fato, o esposo da vítima levou uma coronhada na cabeça e ficou gravemente ferido.

De acordo com testemunhas, tudo aconteceu quando os idosos foram fechar a porteira da propriedade após a visita de um dois filhos.

Os suspeitos só esperaram os filhos saírem para abordar o casal. O pai de 75 anos foi o primeiro, levou uma coronhada de revólver na cabeça. Ao perceber que o companheiro estava ferido, Dona Francisca tentou ajudá-lo, quando foi surpreendida com um disparo de arma de fogo que atingiu a região da sua cabeça.
Comunicar erro

Comentários