Nível de alerta terrorista no Reino Unido aumenta após explosão em Liverpool

Por Jovem Pan em 15/11/2021 às 16:29:00

O governo do Reino Unido elevou nesta segunda-feira, 15, o nível de alerta de terror no país de “substancial” para “grave”, o que significa que a possibilidade de um ataque é “altamente provável”. A mudança ocorre um dia após a explosão de um veículo na frente de um hospital em Liverpool deixar uma pessoa morta e outra ferida. A ministra do Interior, Priti Patel, declarou a jornalistas que o atentado deste domingo teve um “impacto significativo” na comunidade local. “Como governo e como ministra do Interior, continuamos a trabalhar com todos quando se trata da segurança do país e garantiremos que vamos tomar todas as medidas necessárias”, disse Patel. A política conservadora lembrou que “neste momento há uma investigação aberta. (Os investigadores) precisarão de tempo e espaço para fazer seu trabalho” e esclarecer o que aconteceu.

Ao justificar o aumento do nível de alerta de terror, a ministra explicou que a medida foi em resposta ao fato de que haviam ocorrido dois ataques no espaço de um mês, em referência ao assassinato, no mês passado, do deputado conservador David Amess. Em uma entrevista coletiva anterior, o subinspetor da unidade antiterrorista da polícia de North West, Russ Jackson, revelou que a explosão fora do Hospital de Mulheres de Liverpool foi causada, segundo suas investigações, por “um dispositivo improvisado feito em casa carregado pelo passageiro do táxi”, que morreu. “Embora a motivação ainda não tenha sido compreendida, dadas todas as circunstâncias, o caso foi declarado como um incidente terrorista, e a polícia antiterrorista continua com as investigações”, afirmou. Quatro pessoas foram detidas sob suspeita de envolvimento no atentado, três no domingo e uma nesta segunda. O motorista do táxi, que foi atendido em um hospital devido aos ferimentos, recebeu alta.

*Com informações da EFE

Comunicar erro

Comentários