Governo da BA diz que falta de comprovação vacinal em eventos culturais pode causar detenção

Medida foi anunciada após reunião realizada nesta quarta-feira entre os secretários de Segurança Pública, Ricardo Mandarino, de Cultura, Arany Santana, e integrantes da cúpula das duas secretarias de estado.

Por Redação Rede Ilha FM, com informações do G1 Bahia em 19/01/2022 às 14:17:40
(Foto: Divulgação/SSP-BA)

(Foto: Divulgação/SSP-BA)

Após uma reunião entre os secretários de Segurança Pública, Ricardo Mandarino, de Cultura, Arany Santana, e integrantes da cúpula das duas secretarias, o governo da Bahia divulgou uma determinação que diz que as pessoas que tentarem entrar em eventos culturais sem a comprovação vacinal contra a Covid-19 podem ser detidas e conduzidas para uma delegacia.

A medida vale para eventos em áreas do públicas, sob responsabilidade da Secretaria de Cultura (Secult). O encontro ocorreu no Centro de Operações e Inteligência da SSP. E também contou com a presença do Comandante Geral da Polícia Militar, o coronel Paulo Coutinho.

O secretário Ricardo Mandarino determinou que equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil atuem nos casos de desrespeito ao decreto estadual que exige a apresentação do comprovante de vacina para entrada nos espaços públicos, inclusive os culturais.

"Não vamos tolerar esse tipo de postura, de desrespeito. Vamos atuar junto com a Secult, que vai manter a SSP informada sobre o calendário dos eventos para que sempre haja equipes de plantão prontas para atuar, no caso de necessidade", afirmou secretário.

A secretária de Cultura, Arany Santana apresentou situações relatadas por agentes de sua pasta que realizam a conferência do documento de comprovação de vacinação nos ambientes culturais.

De acordo com Arany foram relatos casos de ameaças realizadas por pessoas que não comprovaram o esquema vacinal completo. "As pessoas precisam ter em mente que a determinação do governador visa a salvar vidas. Nós vamos fazer cumprir de qualquer forma e, a partir de agora, com o apoio da SSP,", afirmou a gestora.

Além da disponibilização de equipes da PM para atuarem nos dias de eventos nas praças sob responsabilidade da Secult no Centro Histórico, a Polícia Civil vai manter a Delegacia de Proteção ao Turista (Deltur) em regime de plantão durante os dias de evento para encaminhamento dos conduzidos.

Comunicar erro

Comentários