Assalto a recenseadoras do IBGE em Aracaju será investigado pela Polícia Federal

Por Redação Rede Ilha FM, com informações do G1 Sergipe em 05/08/2022 às 07:01:24
(Foto: Reprodução/*Imagem Ilustrativa)

(Foto: Reprodução/*Imagem Ilustrativa)

Vítimas foram abordadas por homem armado que roubou equipamentos utilizados para a pesquisa. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou, nessa quinta-feira (4), que o assalto a duas recenseadoras do órgão no Bairro Cidade Nova, em Aracaju, será investigado pela Polícia Federal.

As vítimas se preparavam para a coleta de dados para o Censo Demográfico, na última terça, quando foram abordadas por um homem armado, que fez ameaças e roubou um celular e um tablet utilizados para realização da pesquisa, além de um celular de uso pessoal de uma das vítimas. Ninguém ficou ferido.

O que é o Censo e qual a importância da pesquisa? Veja perguntas e respostas

"Os servidores que trabalham no IBGE utilizam equipamentos que são patrimônio público federal. Esses equipamentos são rastreáveis e têm uma séria de bloqueio de funções, então não tem valor de mercado, porque são adquiridos para uso exclusivo do IBGE", chefe da unidade estadual do IBGE em Sergipe, Adriane Almeida.

Um Boletim de Ocorrência foi registrado na Central de Flagrantes, na capital, e o caso também está sendo investigado pela Polícia Civil.
Comunicar erro

Comentários