Estados Unidos acusam Rússia de usar inverno como arma na Ucrânia

Por Jovem Pan em 05/12/2022 às 06:02:56

O secretário de Estado dos Estados Unidos, Antony Blinken, acusou neste domingo, 4, as autoridades da Rússia de usarem o inverno como arma na guerra na Ucrânia, por atacarem infraestruturas e fontes de energia dos cidadãos do país vizinho. Em entrevista ao programa Face The Nation, da emissora de televisão americana “CBS”, Blinken disse que o presidente russo, Vladimir Putin, rejeitou as tentativas de terminar o conflito e, em vez disso, aumentou a ofensiva. “Ele dobrou as apostas em tudo: mobilizando mais força, anexando territórios na Ucrânia e agora tentando usar o inverno como arma”, declarou. Blinken enfatizou que, como a Rússia “não conseguiu vencer no campo de batalha”, o governo Putin está agora atacando civis ucranianos “indo atrás de sua infraestrutura energética, tentando deixá-los sem energia e sem calor”. Os comentários de Blinken foram feitos um dia após a diretora de Inteligência Nacional dos EUA, Avril Haines, afirmar que o conflito na Ucrânia vai diminuir durante os meses de inverno, com os lados tomando tempo para reconstruir e se rearmar para uma nova ofensiva na primavera, segundo a imprensa americana. “Vemos honestamente que já existe um ritmo mais lento para o conflito”, disse Haines em um fórum de defesa nacional no estado da Califórnia. A Rússia recebeu um golpe em suas finanças na sexta-feira depois que os países do G7, da União Europeia e a Austrália concordarem em limitar o preço do petróleo bruto russo transportado por via marítima a US$ 60 por barril, o que eles esperam que limite as receitas que estão sendo usadas para financiar a ofensiva contra a Ucrânia.

*Com informações da EFE

Comunicar erro

Comentários